Como você entra na zona? Quanto tempo leva? Quais os passos que você toma antes? [fechadas]

38

Entrar na zona é um processo prazeroso e frutífero. Nós produzimos um bom código fonte e ficamos muito satisfeitos com o nosso trabalho enquanto estamos na zona. Mas como alguém entra na "zona"? Você segue um processo específico? Além de mudar de sistema de e-mail, celulares e outros aplicativos não produtivos, há mais alguma coisa que possa ser feita?

    
por PradeepGB 22.11.2010 / 10:29
fonte

7 respostas

64

Concentre-se no que você precisa fazer. Faça o esforço para realmente começar a fazer isso. Isso pode ser uma das coisas mais difíceis - parar ativamente de fluffar.

Não tem email aberto. Não tenha o Fakebook em outra janela. Não tem nenhum StackExchange funcionando. Sem fóruns. Apenas quieto. E depois siga em frente.

Geralmente, leva-me (e praticamente todo mundo que conheço) cerca de 15 a 20 minutos para chegar lá.

Geralmente, você pode sustentar a "zona" por cerca de duas horas e, geralmente, apenas uma vez por dia - é mentalmente bastante cansativo. Se você é super-duper você pode gerenciá-lo duas vezes por dia. Depois de "a zona", o resto do seu dia é muito mais leve em comparação, você faz as coisas, mas a explosão de enorme produtividade acaba.

Oh - e sair da zona leva cerca de 3 segundos - por exemplo, um telefonema ou alguém apontando a cabeça e dizendo: "Posso incomodá-lo por um momento" - para o qual a resposta é: "sim, você já fez". Bang A zona se foi. Mais 15-20 para voltar.

Incrível quantos defeitos s / w estúpidos são introduzidos ao serem eliminados da zona.

Também é incrível ver quantas pessoas (gerentes de esp) acham que o plano aberto é uma maneira muito boa de desenvolver um software de qualidade (onde ninguém NUNCA entra na zona e muito menos fica lá).

    
por 22.11.2010 / 10:42
fonte
7

Feche todas as janelas do navegador que apontam para o StackExchange e basta que um bom café seja um bom ponto de partida.

    
por 22.11.2010 / 10:50
fonte
7

Uma coisa que descobri ser útil para entrar na "zona" é, na verdade, "zonear". Eu costumo colocar fones de ouvido e ouvir instrumental, não lírico (no meu caso específico Dj Tiesto ) enquanto tentava ignorar o mundo exterior. O fone de ouvido e a música funcionam como uma barreira do mundo exterior. Os Estudos provaram que ouvir música clássica ajuda na concentração.

Essa solução pode não ser ideal no ambiente corporativo, pois a conectividade e a comunicação são cruciais, mas, se a situação permitir, ouvir música em segundo plano ou em fones de ouvido pode ajudar.

    
por 28.02.2011 / 18:05
fonte
5

Aqui está o artigo do Joel On Software que aborda este ponto .

...the documented productivity gains provided by giving knowledge workers space, quiet, and privacy. The classic software management book Peopleware documents these productivity benefits extensively...

Here's the trouble. We all know that knowledge workers work best by getting into "flow", also known as being "in the zone", where they are fully concentrated on their work and fully tuned out of their environment. They lose track of time and produce great stuff through absolute concentration. This is when they get all of their productive work done. Writers, programmers, scientists, and even basketball players will tell you about being in the zone.

The trouble is, getting into "the zone" is not easy. When you try to measure it, it looks like it takes an average of 15 minutes to start working at maximum productivity. Sometimes, if you're tired or have already done a lot of creative work that day, you just can't get into the zone and you spend the rest of your work day fiddling around, reading the web, playing Tetris.

The other trouble is that it's so easy to get knocked out of the zone. Noise, phone calls, going out for lunch, having to drive 5 minutes to Starbucks for coffee, and interruptions by coworkers -- ESPECIALLY interruptions by coworkers -- all knock you out of the zone. If you take a 1 minute interruption by a coworker asking you a question, and this knocks out your concentration enough that it takes you half an hour to get productive again, your overall productivity is in serious trouble. If you're in a noisy bullpen environment like the type that caffinated dotcoms love to create, with marketing guys screaming on the phone next to programmers, your productivity will plunge as knowledge workers get interrupted time after time and never get into the zone.

With programmers, it's especially hard. Productivity depends on being able to juggle a lot of little details in short term memory all at once. Any kind of interruption can cause these details to come crashing down. When you resume work, you can't remember any of the details (like local variable names you were using, or where you were up to in implementing that search algorithm) and you have to keep looking these things up, which slows you down a lot until you get back up to speed.

Here's the simple algebra. Let's say (as the evidence seems to suggest) that if we interrupt a programmer, even for a minute, we're really blowing away 15 minutes of productivity. For this example, lets put two programmers, Jeff and Mutt, in open cubicles next to each other in a standard Dilbert veal-fattening farm. Mutt can't remember the name of the Unicode version of the strcpy function. He could look it up, which takes 30 seconds, or he could ask Jeff, which takes 15 seconds. Since he's sitting right next to Jeff, he asks Jeff. Jeff gets distracted and loses 15 minutes of productivity (to save Mutt 15 seconds).

Now let's move them into separate offices with walls and doors. Now when Mutt can't remember the name of that function, he could look it up, which still takes 30 seconds, or he could ask Jeff, which now takes 45 seconds and involves standing up (not an easy task given the average physical fitness of programmers!). So he looks it up. So now Mutt loses 30 seconds of productivity, but we save 15 minutes for Jeff...

    
por 03.02.2011 / 14:28
fonte
3

As outras respostas sobre como se concentrar e não ficar perturbado são boas e não tenho muito a acrescentar a elas. O único fato de que sou suspeito são regras sobre números concretos (quanto tempo ele precisa para ...). Estou convencido de que esses números não podem ser generalizados dessa maneira. No entanto, é importante concentrar-se na sua tarefa e evitar ficar incomodado.

A tarefa em que você está trabalhando também é muito importante!

Aqui estão algumas regras gerais sobre a tarefa em que você está trabalhando:

  1. One must be involved in an activity with a clear set of goals. This adds direction and structure to the task.
  2. One must have a good balance between the perceived challenges of the task at hand and his or her own perceived skills. One must have confidence that he or she is capable to do the task at hand.
  3. The task at hand must have clear and immediate feedback. This helps the person negotiate any changing demands and allows him or her to adjust his or her performance to maintain the flow state.

Csikszentmihalyi, M.; Abuhamdeh, S. & Nakamura, J. (2005), "Flow", in Elliot, A., Handbook of Competence and Motivation, New York: The Guilford Press, pp. 598–698

Essas regras não estão especificamente relacionadas ao desenvolvimento de software, mas podem ser aplicadas a elas com facilidade.

Apenas para adicionar alguns exemplos de como você pode verificar se essas condições se aplicam a você e à sua tarefa:

Você sabe qual será seu próximo commit? Talvez definir metas menores? Você usa o desenvolvimento orientado por testes? Você tem o conhecimento necessário para concluir sua tarefa? Você trabalha com um IDE? etc ...

Isso é apenas para dar uma idéia de como ele pode ser aplicado à programação, não pode ser generalizado.

    
por 03.02.2011 / 01:28
fonte
3

Obtenha a primeira tarefa na sua lista bem mantida .

O segredo é ter essa lista!

There is one really effective way to beat procrastination. It has been described in the book Getting Things Done.

First you have to maintain a list of things to do. The methodology proposed is great (read it on wikipedia).

Then it's the way you write your tasks.

Rather than writing:

Do the documentation of the new ui (ouch a good candidate for procrastinators)

Write:

Call Robert to ask him to include Take screenshots of the new UI Write a summary about what to say Etc.

The trick is that tasks are small, and are actual actions. It's easy to start. And everybody here know that when you started, you have beaten procrastination.

    
por 22.11.2010 / 10:46
fonte
2

O que você quer dizer com zona? É quando você está tão focado em seu trabalho que se esquece de comer e o resto do mundo e todas as pessoas nele parecem um ruído branco quando você está completamente focado?

Eu admito que não posso fazer isso todos os dias, mas no dia em que eu acertei essa zona,

Música ou fones de ouvido sem música é uma ótima maneira de entrar na zona. Certifique-se de que você não encaixe seu fone de ouvido no computador, verifique se ele está conectado ao seu iPod ou mp3 player. Isso é porque é muito fácil ir ao youtube ou começar a baixar coisas ... quando sua fonte de som é apenas música e nada mais.

Quando você atinge o ponto em que não está focado em ouvir a música e parece um ruído branco, é uma confirmação de que você está agora na zona.

Uma maneira muito mais fácil é simplesmente começar a programar para acender o fogo, basicamente ... mas às vezes é só para conseguir que o estágio inicial seja difícil ... bem, pegue a música que ouve, ouça a música e Entre na música ... canalize essa paixão na música agora para o seu código.

    
por 30.04.2011 / 22:52
fonte